Aumento Bolsa Família 2020

Um dos programas sociais de maior relevância no Brasil, o Bolsa Família atua desde 2003 com o intuito de combater a pobreza e a desigualdade que existem no país.


O programa contribui com uma renda extra às famílias atendidas pelo projeto, além de dar acesso aos direitos básicos de qualquer cidadão e estimular o desenvolvimento dos atendidos.

Com tanto reconhecimento e histórias de sucesso, o Bolsa Família ainda continua ajudando muitos brasileiros por todo o território nacional.

Portanto, quando falamos sobre o aumento do Bolsa Família, existe certa alegria atrelada a esta possibilidade.

Para se ter uma ideia, alguns até mesmo já esperam ansiosos para o possível reajuste que acontecerá em 2020.

Embora não esteja confirmado pelo Governo Federal ainda, o ajuste, caso aconteça, será anunciado nos primeiros meses de 2020.

Então fique de olho e venha saber mais sobre o possível aumento do Bolsa Família em 2020.

Aumento Bolsa Família 2020


Aumento Bolsa Família 2020

Com a passagem do ano, muitos brasileiros esperam que aconteça um reajuste no valor que beneficia milhares de pessoas todos os meses.

No entanto, a notícia ainda não foi divulgada oficialmente pelo Governo Federal, o que deixa alguns em dúvida.

O aumento do Bolsa Família, por sua vez, mesmo que não tenha sido confirmado, já está causando certa preocupação em algumas pessoas, que questionam se a alteração irá ou não acontecer de fato.


Bolsa Família 2020: quem tem direito?

Atendendo famílias que vivem em situação de pobreza, o projeto do Governo Federal, o Bolsa Família, presta assistência àqueles que não possuem renda suficiente para sobreviver de maneira digna, com o mínimo de direitos básicos.

Dessa forma, o programa atua garantindo uma renda complementar que auxilia as famílias para que elas possam viver de maneira confortável e sem passar necessidades.

Portanto, existem dois requisitos que definem quem são aqueles que podem fazer parte do Bolsa Família:

  • Famílias com renda de até R$ 89,00 mensais por pessoa;
  • Famílias com renda de R$ 89,00 até R$ 178,00 mensais por pessoa, desde que possuam crianças ou adolescentes de até 17 anos.

Além disso, outra coisa importante é que para fazer parte do programa é necessário estar devidamente cadastrado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.


Bolsa Família valor

O programa social passa por ajustes e vistorias com frequência a fim de garantir o seu funcionamento correto e atender aqueles que realmente necessitam.

Portanto, em vista disso, o Bolsa Família é dividido em benefícios, que variam de acordo com a renda da família, número e condições dos membros.

Os benefícios são divididos em:

Básico: o benefício atende famílias extremamente pobres, com renda de até R$ 89,00 mensais, que possuem o direito de receber, através do programa, um auxílio de R$ 89,00.

Variável 1: neste caso, o benefício fornece assistência a famílias que possuam renda mensal de até R$ 178,00 por pessoa, com gestantes e crianças ou adolescentes, garantindo o auxílio de R$ 41,00 por mês, que pode ser acumulado em até cinco benefícios na família.

Variável 2: esse benefício está relacionado a gestantes e atende famílias com gestantes com renda mensal de até R$ 178.00, auxiliando com um benefício repassado em nove parcelas mensais no valor de R$ 41,00.

Variável 3: relacionado à nutriz – o benefício é direcionado para famílias que possuam crianças de 0 a 6 meses, com renda de R$ 178,00 mensais por pessoa, onde o auxílio é dado em seis parcelas mensais de R$ 41,00 para ajudar com a alimentação do bebê.

Variável 4: relacionado ao adolescente – válido para famílias com adolescentes de 16 e 17 anos, de renda mensal de R$ 178,00, o auxílio oferece R$ 48,00, desde que exista compromisso com a frequência escolar dos jovens.

Variável 5: relacionada à extrema pobreza – o valor, neste caso, é calculado de forma individual para cada família.

Calendário Bolsa Família 2020

O Bolsa Família divulga anualmente o calendário que contém as datas referentes aos pagamentos do ano.

A programação é feita pela Caixa Econômica Federal no começo de cada ano. Portanto, como ainda estamos em 2019, o calendário 2020 ainda não está disponível.

Entretanto, é possível que a divulgação seja feita no final de 2019, então fique atento (a) para receber o Bolsa Família.


Como receber os pagamentos do Bolsa Família 2020

Como receber os pagamentos do Bolsa Família 2020

O beneficiário do Bolsa Família recebe um cartão pelo qual consegue sacar o seu auxílio todo o mês.

É possível receber através dos seguintes locais:

  • Agências da Caixa;
  • Caixas Eletrônicos;
  • Lotéricas.

Bolsa Família telefone

Para entrar em contato e receber mais informações sobre o programa e o possível aumento do Bolsa Família, basta ligar no canal de atendimento gratuito da Caixa Econômica Federal por meio do número 0800-726-0207 e falar diretamente com um dos atendentes.

Como deu para perceber, portanto, mesmo que ainda não tenha sido confirmado o aumento do Bolsa Família pode ajudar muitas pessoas no Brasil.

Sendo assim, fique atento (a) às divulgações feitas pelo Governo Federal e aguarde a confirmação do reajuste.

Deixe um comentário