Consultar o saldo do Bolsa Família pelo aplicativo

Veja o passo a passo completo para fazer a consulta do saldo Bolsa Família pelo aplicativo


É fácil encontrar brasileiros que têm uma renda ofertada pelo governo federal por estarem em condição de extrema miséria ou miséria.

Essa renda é chamada de Bolsa Família e é fornecida desde 2003, servindo para assegurar alimentação e necessidades básicas.

Para receber esse benefício, é exigido pelo Ministério do Desenvolvimento Social que a renda per capita seja máxima de R$ 85,00.

A família confirma isso contando toda a renda, ou seja, os pagamentos de todos os que trabalham com carteira assinada, e dividindo pela quantidade de pessoas que moram no local.

O Ministério do Desenvolvimento Social pede vários documentos antes de fornecer o Bolsa Família, além de analisa-los e de acompanhar a rotina dos beneficiários.


Aplicativo do Bolsa Família

A Caixa Econômica Federal participa bastante do Bolsa Família, sendo nas suas lotéricas e agências que os saques são feitos.

Além disso, a Caixa também conta com um aplicativo para as pessoas que recebem o Bolsa Família: com ele, fica mais ágil a consulta do calendário de depósito ou dos valores a sacar.

Para baixa-lo, é preciso acessar a loja de aplicativos e escrever “Aplicativo Bolsa Família”, tendo atenção se o desenvolvedor é o governo federal, a Caixa, o Ministério do Desenvolvimento Social ou outra instituição pública. Estando instalado, o app vai pedir o número do NIS.

Se for desenvolvido realmente pelo governo federal, o aplicativo do Bolsa Família será totalmente seguro.

Entretanto, é lógico que usar um antivírus em conjunto com o app é muito importante para evitar que algum hacker invada o telefone e fique sabendo do benefício.

Consultar o saldo do Bolsa Família pelo aplicativo


Como consultar se o Bolsa Família foi aprovado

Há muitos meios de consultar se o Bolsa Família foi aprovado, e eles são avisados pelo CRAS logo que o cidadão faz o pedido.

Uma das maneiras é usar o aplicativo citado acima, além de o Cadastro Único também dar essa informação e ele também se utiliza do CRAS para se comunicar com a população. Se o local não tem o CRAS, então a resposta é publicada pela Prefeitura.

A Caixa Econômica Federal também tem uma página chamada de Consulta Pública, que é onde as pessoas localizam dados diversos sobre o Bolsa Família, inclusive a aprovação ou negação para quem fez o pedido.

Acessa-se o Sistema de Benefícios ao Cidadão (SIBEC) com o link https://www.beneficiossociais.caixa.gov.br/consulta/beneficio/04.01.00-00_00.asp e clica-se em “Consulta benefício por família”. Além desses três meios citados, as pessoas podem ir pessoalmente ao CRAS ou à Prefeitura para perguntar.


Consultar Bolsa Família pelo CPF

A consulta ao Bolsa Família por meio do CPF é a realizada no SIBEC. Quando clicam em “Consulta benefício por família”, o sistema pede o NIS e, durante a navegação, também requisita o CPF.

Além disso, a Prefeitura e o CRAS vão solicitar o CPF nos atendimentos presenciais.


O que é necessário para ter o Bolsa Família liberado?

Existem dois contextos nos quais o Bolsa Família precisa ser liberado: quando ele é pedido pela primeira vez e quando ele é bloqueado. No primeiro caso, são usados três meses para ser autorizado o benefício; no segundo, um mês.

Para a liberação no primeiro pedido, é fundamental levar todos os documentos que o CRAS solicitar: vale a pena ir até ele apenas para essa informação e depois retornar com os documentos.

Também é importante atentar quando o CRAS solicitar cópias e quando for preciso originais.

Para a liberação depois de o Bolsa Família ser cancelado, será necessária a mesma documentação, acrescida de comprovantes para contestar a razão do cancelamento.

Por exemplo: se ele foi cancelado por que estão faltando vacinas para as crianças, mas elas foram vacinadas, será preciso levar a carteira de vacinação ao CRAS.


Consultar o saldo Bolsa Família com o Cartão Cidadão

Tendo o Cartão Cidadão, elas também podem consultar o saldo indo às lotéricas, aos caixas eletrônicos ou guichês de atendimento do banco.

Sempre que há atendimento presencial para consultar o saldo, deve-se ter um documento de identidade também.

Consultar o saldo do Bolsa Família pelo aplicativo


Exigências para manter o Bolsa Família

Algumas obrigatoriedades para continuar recebendo o Bolsa Família são: manter as crianças com frequência alta de presença na escola, as mulheres da família devem ter tratamento médico ginecológico, todas as pessoas que moram na residência devem estar registradas e deve-se fazer um recadastramento com intervalo de dois anos.

No caso de alguma família deixar de seguir alguma das exigências acima, o Bolsa Família é cancelado. Porém, dá para pedi-lo de volta ao governo federal, que analisará as justificativas em até um mês.


CRAS Bolsa Família

Para cadastrar-se pela primeira vez no Bolsa Família ou para pedi-lo de novo quando é cancelado, deve-se ir ao Centro de Referência em Assistência Social (CRAS).

Será obrigatório ter comprovante de endereço e de nascimento de todas as crianças, além do comprovante de renda de todos os que trabalham.

7 Comentários

  1. Patrícia Eunice Da Silva 24 de maio de 2019
  2. Ana clessia María da Silva gomes 10 de julho de 2019
  3. neuza de Jesus santos 22 de agosto de 2019
  4. Anônimo 4 de setembro de 2019
  5. Anônimo 16 de setembro de 2019
  6. 992375525 16 de setembro de 2019
  7. Cleydeane do nascimento Rodrigues 1 de outubro de 2019

Deixe um comentário