Tire suas dúvidas e veja o que fazer para desbloquear os benefícios do Bolsa Família

Quando a sua família tem o cadastro aprovado no Bolsa Família, é preciso seguir algumas regras para manter o recebimento dos benefícios em dia. Caso contrário, os pagamentos podem ser bloqueados e, em último caso, até mesmo cancelados pelo governo. Antes de falarmos como proceder para desbloquear o Bolsa Família, vamos explicar o que você deve fazer para não ter os valores interrompidos.

bolsa-familia-bloqueado

Como não ser bloqueado no Bolsa Família

Basta você seguir corretamente o regulamento estabelecido pelo programa. Você deve fazer o seguinte:

  • Informar os dados corretos de todos os membros da família no momento de se inscrever no Bolsa Família;
  • Manter o cartão de vacinação das crianças entre 0 e 7 anos em dia;
  • Garantir a frequência escolar de pelo menos 85% a crianças e adolescentes de 6 a 15 anos;
  • Garantir a frequência de pelo menos 75% a adolescentes de 16 a 17 anos;
  • Manter em dia o acompanhamento médico da saúde das mulheres da família entre 14 e 44 anos;
  • Se a família tiver alguma gestante, ela deve comparecer a todas as consultas de pré-natal agendadas pelo Ministério da Saúde;
  • Se a família tiver alguma mãe em período de amamentação, ela deve comparecer às atividades educativas realizadas pelo Ministério da Saúde para se informar sobre o aleitamento materno saudável;
  • Comparecer ao atendimento do Bolsa Família na cidade a cada 2 anos para atualizar as informações cadastrais;
  • Informar qualquer novidade sobre os membros da família para que o cadastro seja atualizado (emprego, desemprego, endereço novo, mudança de escola, casamento, gravidez, nascimento, óbito, etc);

Por que o meu Bolsa Família foi bloqueado?

Isso pode ter acontecido por uma dessas razões:

  • Quando o município precisa fazer uma revisão no cadastro da família;
  • Quando o a família não é mais localizada no endereço informado no Cadastro Único;
  • Quando a família não faz a atualização cadastral obrigatória.

Duas coisas são importantes para evitar o bloqueio do Bolsa Família: não omita informações quando for cadastrar a sua família e mantenha os dados sempre em dia. Como falamos acima, é indispensável informar qualquer mudança que tenha acontecido entre os membros da família. Evite riscos.

O que fazer para desbloquear o Bolsa Família

Se o seu Bolsa Família foi suspenso, você deve ir ao atendimento do programa na sua cidade e se informar com o gestor sobre os motivos que levaram ao bloqueio. Em seguida, você precisa entregar um recurso solicitando a liberação. Junto a esse requerimento, é necessário apresentar os documentos de todos os membros da família. A documentação exigida é essa:

  • Carteira de identidade;
  • CPF
  • Título de Eleitor;
  • Carteira de Trabalho;
  • Comprovante de Residência.

Se a família tiver crianças ou adolescentes, leve também:

  • Certidão de Nascimento;
  • Declaração Escolar;
  • Cartão de Vacinação (para crianças até 6 anos).

Após entregar o recurso, aguarde o contato do gestor do Bolsa Família para saber se o desbloqueio foi realizado.

Vou receber as parcelas bloqueadas do Bolsa Família?

Se o seu Bolsa Família for desbloqueado, a sua família tem direito a receber até 3 parcelas que foram suspensas.

O cadastro pode ser cancelado?

Se o seu Bolsa Família foi bloqueado, você tem até 6 meses para pedir o desbloqueio. Se você não fizer isso, o cadastro será automaticamente cancelado.

Se você tiver alguma dúvida sobre o bloqueio do Bolsa Família, escreva a sua pergunta aqui embaixo na seção de comentários.

Desbloqueio Bolsa Família
1.5 (30%) 2 votos