Categoria: Cadastro Bolsa Família

Como ser aprovado no Bolsa Família

O Bolsa Família é um plano assistencial mantido Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) que tem o objetivo de auxiliar os brasileiros a superar a condição de pobreza e de extrema pobreza. As famílias inscritas no programa têm o direito de receber um benefício mensal que é disponibilizado em nome da Responsável Familiar (RF).

Para começar a receber os pagamentos, os beneficiários precisam apresentar a documentação necessária e cumprir as condições estabelecidas pelo programa. Em seguida vamos mostrar o que você precisa fazer para a ter o seu cadastro aprovado no Bolsa Família. Acompanhe o texto até o final e veja as orientações.

O que fazer para ser aprovado

bolsa-familia-como-ser-aprovado

Quem tem direito a receber

O primeiro passo é saber se a sua família está incluída na faixa de renda que permite receber os benefícios do Bolsa Família. Veja quem tem direito a receber:

1. Famílias com renda de até R$ 85 por pessoa;

2. Famílias com renda entre R$ 85,01 e R$ 170,00 por pessoa, que tenham gestantes, nutrizes (mães em período de amamentação), crianças de 0 a 12 anos e adolescentes até 15 anos;

3. Famílias com renda de R$ 0 a R$ 170,00 por pessoa, que tenham adolescentes de 16 a 17 anos.

Cadastro Único

A segunda etapa é dar entrada no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. Para isso, você precisa procurar o gestor do Bolsa Família na sua cidade. O atendimento pode ser realizado nos seguintes locais:

  • Prefeitura da cidade;
  • CRAS (Centro de Referência de Assistência Social);

Ao conversar com o gestor, o Responsável Familiar, que geralmente é a mãe de família, deve apresentar o seu CPF, RG e Título de Eleitor.… Clique aqui para ler o post completo

Como fazer o Cadastro Único para o Bolsa Família

Se você quer começar a receber os pagamentos do Bolsa Família, então muito provavelmente já ouviu falar alguma vez sobre o Cadastro Único. Essa ferramenta gerenciada pelo governo federal é essencial para que você consiga cadastrar a sua família nos programas sociais brasileiros.

Somente após a aprovação no CadÚnico, você tem direito aos benefícios oferecidos pelo Bolsa Família e também por outros planos do governo, como o Brasil Carinhoso e o Criança Feliz.

O que é o Cadastro Único?

cadastro-unico-bolsa-familia

Coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), o Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal é um sistema de dados que reúne informações completas das famílias brasileiras. Nele constam as referências a seguir:

  • Características da residência.
  • Identificação de todos os membros da família.
  • Escolaridade.
  • Condição atual de trabalho.
  • Renda dos familiares.

É através do Cadastro Único que o governo identifica as principais necessidades das famílias brasileiras e realiza a seleção para programas assistenciais, como o Bolsa Família.

Quem pode se inscrever no CadÚnico

A inscrição no CadÚnico é permitida para famílias que se encontrem em condição de pobreza e extrema pobreza. Para o caso do Bolsa Família, podem realizar o cadastro todas as famílias enquadradas nas características abaixo:

1. Famílias com renda de até R$ 85 por pessoa.

2. Famílias com renda entre R$ 85,01 e R$ 170,00 por pessoa que tenham gestantes, nutrizes (mães em período de amamentação), crianças de 0 a 12 anos e adolescentes até 15 anos.

3. Famílias com renda de R$ 0 a R$ 170,00 por pessoa, que tenham adolescentes de 16 a 17 anos.… Clique aqui para ler o post completo

Quem tem direito a receber o Bolsa Família?

Embora tenho sido lançado lançado há mais de uma década, o Bolsa Família ainda gera muitas dúvidas na população brasileira. Muita gente não sabe que tem o direito de receber os benefícios disponibilizados pelo programa. Se você também quer descobrir se pode se cadastrar no plano de complemento de renda do governo, confira as nossas dicas e tire todas as suas dúvidas.

Quem pode receber o Bolsa Família

bolsa-familia-quem-tem-direito

As famílias em condição de pobreza ou de extrema pobreza podem receber os benefícios do programa Bolsa Família.

  • Famílias na linha de extrema pobreza

São as famílias que têm renda mensal de até R$ 85 por pessoa.

  • Famílias na linha de pobreza

São as famílias que têm renda mensal entre R$ 85,01 e R$ 170 por pessoa.

Como calcular a renda

O cálculo da renda da família é feito da seguinte forma: você deve somar a renda de todos os familiares e dividir pelo número de membros. Vamos usar como exemplo uma família que tenha a mãe, o pai, um adolescente e duas crianças. A mãe realiza alguns trabalhos durante o mês e consegue um salário de 500 reais.

Distribuindo essa quantia entre os 5 representantes da família, daria uma renda de 100 reais por pessoa. Sendo assim, a família se enquadra na linha de pobreza e pode fazer o cadastro no Bolsa Família.

Qual é o valor do Bolsa Família?

O valor do Bolsa Família varia de acordo com o perfil e a composição dos membros da família. Confira:

beneficio-basico-bolsa-familia

  • Benefício básico: R$ 85

Quem pode receber: famílias extremamente pobres, independente do número de pessoas.… Clique aqui para ler o post completo

Aprenda a fazer o cadastro no Bolsa Família

Milhares de pessoas Brasil afora desejam fazer o cadastro no Bolsa Família para começar a receber os benefícios disponibilizados pelo programa. Se você também está nesta situação, então fique conosco e acompanhe este texto até o final. A partir de agora, nós vamos explicar tudo o que você precisa fazer para cadastrar a sua família no plano de complementa de renda do governo federal.

Quem pode se cadastrar no Bolsa Família?

O Bolsa Família aceita como beneficiárias as famílias que estejam enquadradas nas condições a seguir:

  • Famílias com renda de até R$ 77,00 por pessoa;
  • Famílias com renda entre R$ 77,01 e R$ 154,00 por pessoa, que tenham membros gestantes ou em período de amamentação, crianças de 0 a 12 anos e adolescentes com idade até 15 anos;
  • Famílias com renda de zero a R$ 154,00 por pessoa, que tenham adolescentes de 16 a 17 anos.

Se a sua família estiver dentro dessa regras, você pode dar início ao processo de cadastramento e seleção no Bolsa Família.

Como se cadastrar no Bolsa Família

bolsa-familia-cadastro

A primeira coisa que você precisa fazer para se cadastrar no Bolsa Família é comparecer à central do programa na sua cidade. Chegando lá, você precisa procurar o gestor responsável pelos cadastros. Você será orientado a preencher um formulário com as informações da sua família para o Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

É pelo CadÚnico que o governo faz a seleção das famílias que solicitam o cadastro no programa. Para a sua família ser aprovada, é fundamental que você informe os dados corretos sobre a quantidade de pessoas com emprego e também questões sobre casamento, divórcio, nascimento, morte ou adoção de membros da família.… Clique aqui para ler o post completo

Veja como funciona o Bolsa Família

O Bolsa Família é um programa de assistência social criado em 2002 pelo governo federal e administrado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Ele tem como objetivo principal disponibilizar uma renda mensal a todos os brasileiros que estejam em condições de pobreza e pobreza extrema.

Além disso, o Bolsa Família oferece outras garantias adicionais à população, como acesso à educação, saúde e assistência social. De modo geral, o programa atua como um sistema de apoio para que as famílias beneficiadas possam se desenvolver e deixar a condição de vulnerabilidade social.

Como receber

bolsa-familia-como-funciona

O governo federal faz pagamentos mensais para as famílias inscritas no programa Bolsa Família.  Para sacar o benefício, cada família recebe um cartão que geralmente é emitido no nome da mulher. O valor do benefício varia de acordo com o tamanho da família, a renda dos familiares e a idade que eles possuem. Famílias com crianças, gestantes, mães em período de amamentação e jovens de até 17 anos têm direito a receber valores específicos.

Quem pode receber o Bolsa Família?

Os benefícios do Bolsa Família são voltados a famílias com três níveis de renda:

  • Famílias com renda de até R$ 77,00 por pessoa;
  • Famílias com renda entre R$ 77,01 e R$ 154,00 por pessoa, que tenham membros gestantes ou em período de amamentação, crianças de 0 a 12 anos e adolescentes de até 15 anos;
  • Famílias com renda de zero a R$ 154 por pessoa, que tenham adolescentes de 16 e 17 anos.

Para começar a receber a renda mensal, as famílias precisam passar pelas etapas de cadastramento e seleção.… Clique aqui para ler o post completo